terça-feira, 12 de março de 2013

Depois de Xuxa, na internet, mais famosos se manifestam contra o deputado Marco Feliciano

Em um mundo onde o “politicamente correto” perde cada vez mais espaço, as celebridades, que raramente opinam sobre assuntos polêmicos para evitarem atritos, resolveram se manifestar sobre o deputado federal e pastor Marco Feliciano (PSC-SP), que está sob investigação por estelionato no STF (Supremo Tribunal Federal) e é acusado de dar declarações racistas e homofóbicas (sempre bom lembrar), presidindo a CDMH (Comissão dos Direitos Humanos e Minorias) na Câmara Federal.

> ABGLT se solidariza com Xuxa após ameaça de Marco Feliciano

A apresentadora Xuxa, que recentemente chegou a chamar Feliciano de “monstro” em sua página no facebook (por sinal, ele disse que irá processá-la por isso) pareceu ter dado o start para uma onda de manifestações de outros famosos, que também se mostraram indignados com o pastor, como você pode conferir abaixo:

Aguinaldo Silva, autor de novelas e escritor: “Não quero condenar ninguém. Mas sei que existem evangélicos muito mais capacitados a ocupar o posto dado ao pastor Marcos Feliciano. O problema do pastor Marcos Feliciano não é ele ser evangélico: é ter opiniões que se chocam com a comissão que trata dos direitos humanos”.

Gaby Amarantos, cantora: “Andei lendo algumas declarações do pastor Feliciano e custo acreditar que existem pessoas que pensem assim, ele diz que ser negro é azar, só um exemplo. Desculpa amores, mas estou tão revoltada com essa situação de termos esse pastor homofóbico e racista presidindo a CDH que nem dei amor vocês… A questão vai além da religião, se trata do revermos muita coisa nesse país #ForaFeliciano ‘Amai-vos uns aos outros’ simples assim!”

Gaby Amarantos
Luciano Huck Luciano Huck, apresentador: “Se o conclave papal seguir a lógica do Congresso Brasileiro para eleger seus presidentes de comissões, é capaz do (Mahmoud) Ahmadinejad (presidente do Irã) virar Papa”.

Marcelo Tas, apresentador: “Semana histórica no Distrito Federal. Quem diz que Congresso é latrina é desatualizado. O buraco é mais embaixo. A coisa fede muito mais. PT: explique a barganha política que leva o pastor @marcofeliciano à presidência da Comissão dos Direitos Humanos”.

Marcelo Tas
Sarah Oliveira Sarah Oliveira, apresentadora: “Não sei o que faria se o encontrasse RT @celsodossi “A Aids é câncer gay” – Pastor Marcos Feliciano, novo presidente da comissão de Direitos Humanos. Não dá para sustentar a loucura deste pastor”.

Sérgio Marone, ator: “É lamentável a nomeação do deputado Marco Feliciano para presidir a CDHM da Câmara. Este parlamentar não representa, com suas ideias, os direitos humanos. É um acinte ao Congresso e ao povo brasileiro. A homofobia e o racismo devem ser tratados como crimes”.

Sérgio Marone
Tico Santa Cruz Tico Santa Cruz, cantor: “Pastor @marcofeliciano a democracia vai tirá-lo deste cargo! Lembre-se disso! Nós vamos tirá-lo daí! O senhor não representa NEM OS EVANGÉLICOS”.

fonte: GOnline

Um comentário:

  1. fora homofobia. fora maldade e injustiça fora feliciano...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...