quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Cuba realizou dez cirurgias de adequação genital em 2009

Cuba reconheceu oficialmente que realizou mais de dez cirurgias de readequação genital. A diretora do Centro Nacional de Educação Sexual (Cenesex), Mariela Castro, reconhece o avanço, mas diz que chegaram apenas a "metade das pessoas que foram identificadas como transexuais e que desejam passar pela cirurgia".

A divulgação dos números de pessoas operadas e as declarações de Mariela foram feita durante o V Congresso Cubano de Educação, Orientação e Terapia Sexual, que está sendo realizado esta semana em Havana. Segundo Mariela, as leis estão sendo cumpridas. "Estamos cumprindo com a resolução 126 do Ministério da Saúde Publicam, que estabelece a criação de um centro de atenção para a saúde integral das pessoas transexuais e que é totalmente gratuito".

A primeira cirurgia de adequação genital cubana que se tem noticia data do ano de 1998. Após tal procedimento ter se tornado público uma forte polêmica criou-se em Cuba entre favoráveis e contrários ao procedimento. Uma década depois da primeira cirurgia foram identificados 30 transexuais cubanas, destas 26 solicitaram a operação. E, mesmo contando com a defesa de setores do governo cubano, o tema ainda é controverso entre a população.

O Censex tem lutado desde 2004, junto com a Federação de Mulheres Cubanas, pela reformulação do Código de Família, onde tensionam para que se reconheça a união civil entre pessoas do mesmo sexo e também pela despatologização da transexualidade.

fonte: A Capa

Lada GaGa retoma turnê e arrasa em Nova York

Lady GaGa em New York Lady GaGa se recuperou e voltou tinindo aos shows de sua turnê “The Monster Ball”, nesta quarta-feira 20. Após o cancelamento de um show em West Lafayette, no Estado de Indiana, por motivo de estafa, a cantora chegou esta semana a sua cidade natal, Nova York, para a continuação da turnê em território americano.

“É bastante surreal para mim estar aqui nesta noite, pois eu cresci em Nova York. Eu me sinto muito abençoada”. GaGa fará mais três shows no Radio City Music Hall até domingo. Sua turnê passará pelo Reino Unido em fevereiro e Oceania em março. Ela já abriu duas datas para o Japão em meados de abril. A probabilidade dela passar pelo Brasil antes ou depois da perna asiática da turnê ainda é grande.

fonte: ParouTudo.com

Espetáculos em cartaz em Belo Horizonte tratam de relações homoafetivas

Muitas com encenação caricatural das personagens gays, outras na contramão desse tipo de abordagem

Os atores Aloísio Pires e Gustavo Marquezini em Dois de Paus Preconceito é prejudicial à saúde mental da sociedade. Quem adverte é o militante, músico e ator Roberto Draps. Criador do grupo de poesia cênica Vírus Mundanos e da extinta banda de rock Incrível Rúcula, ele atua no Programa de Redução de Danos do Ministério da Saúde e continua atento à cultura. Para Draps, e boa parte de ativistas pela livre orientação sexual, o tratamento estereotipado do personagem gay no teatro mineiro reforça a discriminação. “Este é um tipo de brincadeira que passa dos limites. Vivemos numa sociedade que nos associa a ideias de futilidade, vaidade e consumo. Isso é um desserviço que a cultura não precisa oferecer, porque nos faz, como sociedade, retroceder no tempo”, critica o artista. Mas, na contramão das abordagens caricatas, em grande quantidade em cartaz na Campanha de Popularização do Teatro e da Dança, dois espetáculos fogem à regra e levam para a cena relações homoafetivas poucas vezes vistas nos palcos da cidade.

Dois de paus é, sem dúvida, a melhor delas. Com direção de Fernando Veríssimo e texto de Arthur Tadeu Curado, a peça mostra os atores Aloísio Pires e Gustavo Marquezini como Júlio e Alex. Eles são um casal que, depois do romantismo da aproximação, passa por crise gerada por ciúmes e falta de atenção de um com as demandas sobretudo emocionais do outro. Embora esteja qualificado como comédia, o espetáculo elimina o escracho tratado como convencional nesse tipo de montagem e deixa para o público dimensão mais próxima do real nas relações homossexuais. “O que nos chamou atenção nesse texto é que o gay não é tratado como algo carnavalesco. Fizemos várias leituras, inclusive com casal hétero, e vimos que o resultado é o mesmo. Desmistificamos essa ideia do espalhafatoso, de que o gay tem que ser o engraçado da festa para justificar sua presença”, comenta Aloísio Pires.

Diplomático, o ator não critica outros trabalhos. Ele, inclusive, já esteve à frente de montagens como Alfredo virou a mão, mas concorda que Dois de paus está mais perto da realidade que as caricaturas predominantes. “Toda proposta é válida e eu respeito. Mas às vezes ocorre de aparecer um texto tão maravilhoso quanto o do Arthur, que é um autor de Brasília, muito talentoso. Então, é preciso aproveitar a oportunidade”, diz. Durante a trama, o casal troca afetos e se beija com tanta naturalidade que o que poderia ser compreendido como provocação chega à plateia com delicadeza. “Foi difícil no começo. Só conseguimos ensaiar essa parte uma semana antes da estreia, mas vencemos o desafio e o público percebe isso”, avalia.

Marco Fugga contracena com Pedro Cabizuca em Bom CriouloRomance

Com direção ainda imatura e lapsos que merecem aperfeiçoamento, mas ótimo trabalho de ator, Bom crioulo é um romance que parte de obra literária homônima, de Adolfo Caminha. Marco Fugga é o protagonista Amaro, um marinheiro oprimido que não compreende a atração que sente por outros homens e o desinteresse por mulheres. Quando conhece Aleixo, jovem e atraente colega da Marinha, ele se dá conta de que está diante da mais importante descoberta, que mudaria o destino de muitas pessoas. Amaro conquista Aleixo, mas eles se relacionam de forma desigual. Possessivo, Amaro exagera e leva às últimas consequências o seu desejo. “Ele sofre muito com esse amor descontrolado, compulsivo”, reconhece o ator Marco Fugga.

Aluno de Luiz Paixão, com quem diz ter aprendido a ler politicamente cada personagem e atribuir-lhe referências históricas além do imediato apresentado no texto, o ator também ressalta questão racial, apontada na trama, já que Amaro é negro, descendente de escravos, e Aleixo é um delicado garoto branco, com feições singelas, tratado como um bibelô inclusive pelos superiores. Para ele, Bom crioulo toca em questão crucial, sem meandros. “O preconceito não acabou. Tanto os negros quanto os gays passam por muitas situações desnecessárias. De modo geral, a classe artística mineira é muito agressiva com o homossexual. Um sintoma disso é o tipo de produção em cartaz”, critica. E complementa: “Sou negro, conheço a história dos nossos antepassados e o mínimo que posso fazer é não admitir a discriminação e respeitar o próximo”, argumenta.

Em Bom crioulo, Marco Fugga contracena com Pedro Cabizuca, em cenas de trocas afetivas ousadas, com nu frontal e simulação de ato sexual diante da plateia. Para ele, a maior preocupação era que o resultado não chegasse de forma vulgar ao público. “Passamos muito tempo buscando soluções, estudando, porque nunca tínhamos feito trabalhos dessa natureza. Mas Amaro é um personagem muito intenso, que acaba deixando o ator à vontade. Deixei-me guiar por ele.”

Retrato

Intérprete do travesti Jennifer Quety no espetáculo Ela é o cara, o ator Bruno Emanuel defende a comédia e argumenta que o espetáculo é uma maneira de levar ao público cultura diferente, com características próprias, muito pouco difundida em outros meios. “Ela sonha com o sucesso e enfrenta muitos problemas até conquistar o que queria. É divertido ver como ela lida com essas questões”, diz o intérprete, que frequentou festas e boates para compor sua personagem. Para Emanuel, Jennifer é ao mesmo tempo retrato e caricatura e não há mal algum em estimular o humor. “Tenho muitos amigos do meio que adoraram o tratamento que demos ao tema e que ofereceram contribuições importantes para a composição de Jennifer”, observa.

O QUE VER


ACREDITE, UM ESPÍRITO BAIXOU EM MIM

Minascentro (Topázio). Quinta e sexta, 21h; sábado e domingo, 18h e 21h.

ALFREDO VIROU A MÃO

Imaculada. Quinta, 21h; sexta e sábado, 19h e 21h; domingo, 19h.

ASSENTA QUE LÁ VEM BARRACO

Pátio Savassi. Quinta a sábado, 20h30; domingo, 19h.

BOM CRIOULO

João Ceschiatti. Quinta a sábado, 19h30; domingo, 21h.

AS BARBEIRAS

Pio XII. Quinta a domingo, 19h e 21h.

CREUZA, TRAZ A NEUZA

Clube dos Oficiais. Quinta a sábado, 21h; domingo, 19h.

O DIA DO BABADO

Minascentro. Segunda a quarta, 20h.

DOIS DE PAUS

Sesi Holcim. Segunda a quarta, 19h.

ELA É O CARA

AMI. Quinta a sábado, 21h; domingo, 19h.

MEU TIO É... TIA!

Sag. Coração de Jesus.
Quinta a domingo, 19h e 21h.

MORRA DE RIR SEM FAZER XIXI

Kleber Junqueira. Quinta a sábado, 21h. Domingo, 19h.

O NOME DELA É VALDEMAR
Teatro do Icbeu. Segunda e terça, 21h; quarta a sexta, 19h.

fonte: UAI

Filme "À Moda da Casa" aborda homossexualidade sem preconceito

a-moda-da-casa A comédia espanhola "À Moda da Casa", já em cartaz em São Paulo e estreando no Rio nesta sexta-feira, levanta uma questão bem interessante: existem profissões que aceitam mais facilmente os homossexuais?

Se depender do que mostra o longa, a resposta é sim. O personagem central é Maxi (Javier Camara, de "Fale com Ela"), um chef de cozinha gay, dono de um restaurante que seus filhos herdam de um casamento que durou pouco, depois que sua ex-mulher morre.

Maxi não enfrenta nenhum problema com sua sexualidade, nem no trabalho, nem em casa. Por outro lado, quando começa a namorar Horacio (Benjamín Vicuña), um comentarista esportivo e ex-jogador de futebol, surge um impasse: eles não podem assumir publicamente o relacionamento.

"Isso iria acabar com a minha carreira na televisão", diz o esportista, que também garante conhecer diversos jogadores gays que escondem essa condição.

Se o filme, dirigido pelo estreante em cinema Nacho G. Villela, que também assina como corroteirista, não se aprofunda muito nessa questão, ao menos tem a coragem de colocar em cena o impasse que, embora resolvido com certa simplicidade, não deixa de ser relevante.

"À Moda da Casa" centra-se no personagem de Maxi, que precisa ser o pai que seus filhos nunca tiveram -- ele nunca os conheceu até sua ex-mulher chamá-lo no seu leito de morte (literalmente).

Enquanto tenta se aproximar dos filhos, lidar com a homofobia do mais velho e não perder o amor de Horácio, o chef também sonha em conquistar uma estrela do guia Michelin para o seu restaurante - o que certamente o tornaria mais conceituado e famoso.

A melhor amiga de Maxi é Alex (Lola Dueñas, de "Abraços Partidos"), hostess do seu restaurante e uma mulher-à-beira-de-um-ataque-de-nervos que precisa-porque-precisa de um namorado. Por conta dos diversos foras que leva, Alex vive chorando nos ombros de seu amigo, até se apaixonar por Horácio e achar que é correspondida.

Com uma temática dessas, "À Moda da Casa" poderia facilmente cair no escracho ou na baixaria. Felizmente, o bom senso e o bom gosto prevalecem. Há momentos engraçados e uma certa honestidade e dignidade ao tratar de questões complexas.

fonte: G1

BBB: Sérgio se joga fazendo a Lady Gaga em festa

Serginho Orgastic dublou Poker Face com direito a três fortões como dançarinos

reprodução TV GloboA festa que rolou no BBB10 na última quarta-feira, 20, foi o auge de todo o carão de Sérgio Orgastic. Munido de três lindos rapazes, ele foi alçado aos ares durante uma mini performance do já clássico gay “Poker Face”, da Lady Gaga, com direito a pseudo confetes jogados ao fim da apresentação e muitos gritinhos de apoio do povo que adorou ver essa pinta toda.

“Ontem teve 'Eagle Eye Cherry' ao vivo, nem acreditei quando vi, foi incrível demaaaaais. E ainda por cima fiz uma performance com a musica da Lady Gaga (Poker Face) e os meninos como meus dançarinos. Ontem foi tudo mesmo”, postou Orgastic em seu Twitter sobre a brincadeira.

Quem participou da festa de Orgastic foram os deliciosos brothers Uillian, Carlos e Eliéser. O trio não pestanejou e entrou bem animado na dança de Serginho com direito a levantadinha no ar tipo Broadway “All That Jazz”.

fonte: Mix Brasil

RS: Campanha revela o caos na saúde e o descaso do poder público com a AIDS

Grupo Somos O Grupo SOMOS Comunicação, Saúde e Sexualidade espalhou diversos outdoors pelas ruas de Porto Alegre estampando a frase: RS 1° lugar em tudo e logo em seguida traz alguns dados dos recordes negativos, como a que afirma que Porto Alegre é a capital brasileira com o maior número de AIDS por habitante do país.

O objetivo do grupo foi chamar a atenção da população, das autoridades e, principalmente, dos participantes do Fórum Social Mundial, para a má gestão da saúde no Estado e na Prefeitura de Porto Alegre, que tem contribuído para deixar o Rio Grande do Sul e Porto Alegre - com o maior número de casos por cada 100 mil habitantes.

Mesmo após a coletiva no SIMERS – Sindicato Médico do Rio Grande do Sul no último dia 11 de janeiro, onde foi deliberado o encaminhamento das denúncias ao Ministério Público Federal e Estadual, nada foi resolvido. Gustavo Bernardes, coordenador Geral do SOMOS tem recebido diariamente denúncias de diversas pessoas que vivem com AIDS, que tem ido procurar seus resultados de exames de carga viral e CD 4 feitos no LACEN e que os mesmos não estão sendo realizados no prazo previsto. “Tem pessoas vindo do interior do Estado buscar seus exames e eles não estão prontos e dizem que os exames feitos em dezembro terão que ser descartados e refeitos, causando enormes transtornos para população que vive com HIV/AIDS”, afirma.

Outdoors estão distribuidos nas ruas de Porto Alegre

Sobram problemas na gestão Estadual e Municipal. No Estado a Política não tem nem coordenação e os recursos de prevenção para as ONGs estão parados desde 2008. No município o gestor não investe em prevenção e falta diálogo com a sociedade civil, denuncia ainda a entidade. Para monitorar e reunir as informações sobre o tema foi criado um blog.

blog: http://www.rsprimeirolugaremtudo.blogspot.com
fonte: RS Urgente

Hugh Grant acha o ator Robert Pattinson muito sexy

Hugh_Grant Hugh Grant declarou que é um grande fã do ator Robert Pattinson (na foto acima) e que entende porque as mulheres são loucas por ele. “Eu ainda não vi a segunda parte da saga ‘Crepúsculo’, mas entendo a fascinação que as mulheres têm por ele. Ele é realmente muito sexy.”

Robert Pattinson O ator britânico, que está com 49 anos, revelou que se sentia sexy usando um chapéu de cowboy em seu novo filme, “Did You Hear About the Morgans?”, que deve estrear no Brasil em 26 de março. Mas mudou de ideia quando assistiu à produção. Mesmo assim, ele confessa que sempre pede aos figurinistas que o deixem o mais sexy possível. Nós achamos que eles não precisam ter tanto trabalho assim.

fonte: ParouTudo.com

Haiti: Jesus Luz toca em prol das vítimas do desastre

Depois de Madonna fazer uma sua doação, agora é a vez do seu amado também ajudar

Jesus LuzJesus Luz está fervendo na capital paulista e também ajudando a quem muito precisa. Nesta quarta-feita 20, o modelo discotecou no clube Royal, no centro de São Paulo, em prol das vítimas do terremoto que acometeu o Haiti na semana passada.

Na terça-feira 19, ele foi a sensação do desfile da Ellus, na São Paulo Fashion Week. Com duas entradas, e aparentemente um pouco tenso, o atual namorado de Madonna apareceu com um jeans justíssimo, numa nova lavagem da grife que se assemelha bastante ao couro. Difícil não suspirar por ele, hein?

desfile da Ellus, na São Paulo Fashion Week
fonte
: ParouTudo.com

Site vende bolsa gigante feita à mão para guardar camisinhas

Norte-americana desenvolve bolsona para todo mundo levar a camisinha aonde for

Sacão guarda até 100 camisinhas Com muita imaginação, o site norte-americano de vendas de produtos feitos à mão Etsy colocou à venda uma forma bem legal de fazer com que as pessoas estejam sempre com camisinhas à mão: uma bolsa gigante em forma de embalagem de preservativo com capacidade para até 100 camisinhas, a Condom Pillow.

A dona da ideia é a usuária LittleElk, que estava bem preocupada com o tanto de gente que não usa camisinha por esquecer em casa, na carteira ou seja lá onde for. “Isso toma muito do meu tempo e dá muito trabalho para eu fazer apenas um, e eu tenho muito orgulho em fazer isso de forma que dure bastante e com uma estética atemporal”, propagandeia a moça.

As bolsas vêm nas cores vermelha, azul, lilás e preta, mas quem quiser personalizar a sua com os tons e desenhos que quiser também pode. Os preços variam de US$ 35 a US$ 50 e a compra ainda é feita apenas pelo site da Etsy (clique aqui). Na pior das hipóteses, dá para usar como travesseiro de companhia.

fonte: Mix Brasil

Rússia se nega a reconhecer casamento lésbico

Rússia não reconhece união de lésbicas que se casaram no Canadá. Casal deve acionar Corte

As Irinas se casaram no Canadá em outubro O pedido feito por um casal lésbico russo para que seu casamento fosse reconhecido em seu país foi negado nesta quinta-feira, 21. Decididas a fazer com que sua união fosse legalmente reconhecida pela Rússia, a relações públicas Irina Fyet e a empresária Irina Shepitko viajaram até o Canadá para se casarem.

A estratégia era aproveitar a brecha na lei que prevê o reconhecimento de casamentos de cidadãos russos realizados fora do país. No entanto, uma Corte de Moscou recusou o pedido alegando que as leis russas só reconhecem casamento entre homem e mulher, mesmo aqueles celebrados fora de suas fronteiras.

"Nós nascemos aqui, este é nosso país. Queremos nos casar em nossa terra natal", disse Fyet, segundo a Reuters. O casal pretende agora levar o caso para a Corte Europeia. "Estamos depositando muita esperança nisso. A Rússia terá que aceitar qualquer que seja a decisão que eles tomem".

Além de não reconhecer o casamento gay, a Rússia é conhecida por sua homofobia enraizada. Há anos, as tentativas de realizar Paradas Gays são duramente reprimidas.

fonte: Mix Brasil

Indústria do pornô vai arrecadar dinheiro para ajudar o Haiti

Conglomerado adulto XBIZ lança campanha online de doações para os haitianos

Haitianos receberão ajuda da indústria pornô Todo o mundo e todo mundo está de olho na catástrofe que o terremoto ocorrido no Haiti causou, até o mundo do entretenimento adulto. Em uma iniciativa mais filantrópica impossível, o conglomerado norte-americano de mídia adulta XBIZ criou um site para pedir ajuda urgente aos haitianos.

O endereço é o AidHaitiRelief.com e inclui links onde organizações, empresas e pessoas físicas e jurídicas podem doar o quanto quiserem dando um simples clique. É uma lista de quem está fazendo a arrecadação, é só escolher um participante e clicar para doar.

“Abra seu coração e use os milhões de internautas que controlamos diariamente em favor do Haiti”, diz o site. A primeira doação já foi feita pela CyberErotica, que agrega os portais CashTraffic.com e XRatedBucks.com, no montante de 10 mil dólares.

fonte: Mix Brasil

Ex-sargentos gays criam movimento para reintegrar jovens LGBT discriminados

Casal de sargentos vai montar ONG em Brasília para acolher também militares gays

Laci e Fernando querem amparar jovens expulsos de casa Os ex-sargentos do exército Fernando de Alcântara e Laci Araújo estão a frente de um movimento que visa a reintegração na sociedade de jovens LGBT que foram expulsos de casa por conta de sua orientação sexual. Os dois incentivam pessoas, que estejam dispostas e tenham espaço em casa, a abrigarem temporariamente jovens homossexuais discriminados.

Presidente do Instituto Ser de Direitos Humanos, o casal tinha como prioridade a inauguração de uma casa em Brasília que funcionasse como abrigo temporário para que jovens homossexuais, de 15 a 19 anos, pudessem se reestruturar. A inauguração estava prevista para o dia 1º de janeiro, mas por uma questão de alvará, a liberação ainda não foi dada pela prefeitura.

Em entrevista ao G Online, Fernando de Alcântara disse que há urgência em ajudar esses jovens, por isso, ele e o companheiro Laci criaram o movimento. “Dessa forma, o instituto já pode atuar a favor dessas pessoas, mesmo que o espaço físico não esteja funcionando ainda”.

Alcântara contou também que o movimento está dando certo e que já existem pessoas fazendo doações. “Há inclusive dois lares prontos para receber jovens”. O ex-sargento deixa claro que a inauguração do abrigo deverá ocorrer em breve, mas reforça que o apoio das pessoas fortalecerá as atividades do Instituto. Os interessados em saber mais ou ajudar, podem acessar o site do Ser.

site: http://institutoser.ning.com
fonte
: G Online

Apresentadora dá "apalpada" indiscreta em David Beckham

Esportista ficou irritado com brincadeira de programa da TV italiana

David Beckham em cena do programa italiano David Beckham foi vítima de uma brincadeira promovida por um programa da televisão italiana, nesta semana. A humorista Elena Di Cioccio, conhecida popularmente como Le lene (A Hiena), conseguiu burlar a segurança e se aproximar do jogador na frente de um hotel.

Vestindo um par de luvas amarelas, ela discretamente pegou nas partes íntimas de Beckham. "É pequeno", brincou Di Cioccio depois da brincadeira. Surpreso, o jogador inglês foi escoltado por seguranças e fez cara feia para as câmeras de televisão.

Assista ao vídeo:

fonte: Revista Quem

“Bad Romance” de Lady GaGa bate recorde de execuções no rádio

Lady GaGa em cena do clipe de Bad Romance Nos 17 anos de acompanhamento da Billboard das paradas de sucesso musical dos EUA, a música "Bad Romance", de Lady GaGa, registrou uma média recorde e superou a música "Bleeding Love" (2008), de Leona Lewis.

A música "Bad Romance" foi a canção pop mais executada no período de uma semana nos 17 anos da história da Billboard. Pelos nossos leitores, a música foi eleita a trilha sonora da temporada de final de ano.

Entre os dias 11 e 17 de janeiro, a música tocou 10.859 vezes nas 130 rádios monitoradas pela empresa Nielsen, e foi tocada em média 84 vezes em cada rádio, no incrível intervalo de duas horas. Lady GaGa também é a primeira artista pop a ter cinco músicas lançadas em sequência entre as mais tocadas.

fonte: Revista Lado A

MG: Gala Gay elege a rainha do Carnaval 2010 no Sírio Libanês

A alegria e a descontração do tradicional baile "Gala Gay" agora estarão presentes em Uberaba. A festa feita anualmente no Rio de Janeiro-RJ e em Pelotas-RS, chega ao município para complementar as comemorações carnavalescas. No evento será eleita a rainha do Carnaval 2010, fantasia mais luxuosa e mais original.

O lançamento do I Gala Gay-Uberaba aconteceu ontem, às 16h30, no hall do Clube Sírio Libanês, com a presença dos organizadores e colaboradores. A festa será no salão nobre do mesmo clube, no dia 6 de fevereiro, a partir das 23h. Os convites podem ser adquiridos no clube, no período da tarde, e nas lojas colaboradoras. A pista custa R$ 20 e o camarote, R$ 60.

Entre os parceiros da organização do baile está o Centro de Testagem e Aconselhamento / Doenças Sexualmente Transmissíveis (CTA/DST/Aids). No local, será feita a distribuição de preservativos, lubrificantes e materiais instrucionais.

A decoração está sob o comando de Marco Túlio, com a ideia "Nasce uma Estrela". Para uma das organizadoras do "Gala Gay", o tema reflete a ideia do brilho presente nas Drag Queens. "Terá diversas estrelas aqui. A estrela brilha e reflete o estrelato ligado a eles. Teremos também um imenso tapete vermelho na entrada, para todos pararem quando elas chegarem", explica a organizadora Sueli Arantes.

A organização espera que cerca de 1.000 pessoas estejam presentes na oportunidade, que será aberta a todos os públicos. "A expectativa é que todos compareçam. Não é apenas para os gays e não haverá baixaria. Espero que seja uma arrancada e futuramente façamos festas semelhantes", informa o organizador Chiquinho Dumont, que é a Drag Queen Madame Brasil.

Entre as atrações, que terão a participação de DJs e gogo boys e gogo girls, está a cantora Érica Nara. Ela espera que o evento seja uma oportunidade para abrir maior espaço no meio. "Será mais um trabalho para somar no meio GLBT. É uma oportunidade de abrilhantarmos o talento de todos", diz a cantora.

fonte: Jornal Uberaba

Crianças podem ter boa criação com pais gays

Psicólogo afirma que filhos de casais homossexuais são bem aceitos

adocao gay As crianças que crescem como filhos de um casal homossexual se adaptam bem à situação. Agressões e críticas por parte de menores criados por casais hetero não são comuns, afirmou um psicólogo da Universidade de Cambridge. Michael Lamb deu seu testemunho como parte de uma ação de dois casais da Califórnia formados por pessoas do mesmo sexo. O objetivo é revogar a Proposta 8, que proibiu os matrimônios gays no estado norte-americano e foi aprovada em um referendo em 2008.

– Para um número significativo destes meninos, a adaptação será possível quando seus pais puderem se casar – disse o especialista em psicologia do desenvolvimento.

Lamb negou também que haja evidências de que os meninos com pais gays tenham mais probabilidades de serem homossexuais ou vítimas de abuso sexual e incesto.

Os defensores da proibição consideram a medida necessária para incentivar a procriação e assegurar que as crianças sejam criadas por seus pais biológicos. O julgamento da ação é o primeiro em uma corte federal dos Estados Unidos que visa determinar se as leis que impedem o casamento gay são constitucionais.

fonte: clicRBS

Reportagem da revista Carta Capital faz retrato da vida gay na Índia

India Os repórteres da revista Carta Capital, Maurício Horta e Willian Vieira, foram a capital indiana Nova Délhi ver de perto como está a vida gay após a queda da seção 377 do código civil, que proibia a relação entre pessoas do mesmo sexo. O que será que mudou por lá?

A reportagem atenta para o fato de que, homens heterossexuais transam com outros homens e que, de uma maneira ou de outra isso é aceito pela sociedade indiana. Mas, poucos homens ousam a assumir esse amor homossexual e no final das contas se casam com mulheres.

"Karan, 27, cansou de fazer sexo com homens heterossexuais, que depois não o cumprimentam na rua. E não quer mais gastar com gigolôs - quer alguém que o ame. Ao ouvir falar do Brasil, pergunta: 'Lá eu não teria de pagar para ficar com um homem?'".

Entrevistado pela revista Carta Capital, Roberto Volk, professor da Boston University School e especialista em direitos civis, comenta a descriminalização da homossexualidade e como isso pode mudar a cultura. "Com certeza a decisão terá um grande impacto na vida gay em Délhi, especialmente porque a lei frequentemente levava à chantagem e à extorsão pela polícia". O educador também acredita que agora os gays poderão se encontrar com mais liberdade nas ruas.

A entrevista de Karan, no entanto, mostra que as coisas ainda não mudaram tanto por lá. Segundo o entrevistado "as festas homossexuais continuam secretas. Em Délhi não há boates gays, mas noitadas itinerantes em lugares heterossexuais - em geral, bares e hotéis cinco-estrelas. Apesar de não incorrerem em crime, são divulgadas por mensagens de celular com dias, às vezes horas, de antecedência". O organizador da maioria delas, Manish Sharma, explica: "É melhor evitar a publicidade, ou a polícia pode aparecer para pedir propina". Mesmo nos locais mais reservados, a contenção é a regra.

Se há um dado positivo é o surgimento de ONGs em defesa dos direitos homossexuais na Índia. Além disso, em 2008, Délhi e as cidades Bangalore e Calcutá tiveram a sua primeira parada gay. Outro fato relatado é a questão da classe social em que está inserido o homossexual na Índia e isso lá faz toda a diferença. Mesmo assim, assumir o rótulo de gay é um tabu no país e poucos fazem isso. Muitos homens indianos se classificam como "homens que fazem sexo com homens"

site: http://www.cartacapital.com.br
fonte
: A Capa

Mulher do ex-adversário de Obama posa em campanha pró-casamento gay

Cindy McCain aparece no anúncio com boca tampada por fita adesiva

Cindy McCain
Cindy McCain, mulher do senador e ex-candidato republicano à Presidência dos EUA John McCain, posa para campanha da NOH8, um grupo pró-direitos dos gays. O grupo defende derrubar a Proposição 8, aprovada pelos eleitores da Califórnia em 2008, e que baniu do estado americano o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Meghan McCain
Meghan, filha do casal, também participa da campanha. Elas aparecem com as bocas tapadas por fita adesiva. Em nota, o senador pelo Arizona afirmou que respeita os pontos de vista de sua família, mas continua contrário ao casamento gay.

fonte: G1

Rihanna lança música para ajudar Haiti

A canção escolhida é de Bob Marley

A cantora Rihanna acaba de lançar uma nova música destinada a arrecadar fundos para as vítimas do terremoto no Haiti. É uma regravação da música "Redemption Song" (Canção de Resgate - em tradução livre) de Bob Marley. Ela e o cantor Maxwell cantaram durante o programa de Oprah, na terça, dia 20. A música está sendo vendida também pela internet.

fonte: Toda Forma de Amor

Filha do presidente de Cuba acusa Partido Comunista de homofobia

Ela denuncia que homossexuais não estão sendo aceitos como membros

Mariela Castro A filha do presidente de Cuba, Mariela Castro, acusou o Partido Comunicsta de discriminação contra gays e anunciou que vai pedir a "liderança máxima" para acabar com isso.

Não será difícil. O tio de Mariela, Fidel Castro, é o lider do Partido, enquanto seu pai é o número 2.

Sexóloga que defende os direitos dos gays, Mariela denuncia que o Partido exclui homossexuais que desejam se tornar membros.

"Isto não está previsto em nenhum estatuto, mas implicitamente eles estão sendo rejeitados" disse ela durante uma conferência sobre educação sexual e terapia.

"Nossa ideologia e nossa definiação de Partido não tem nada o que fazer com a orientação sexual de ninguém" ressaltou ainda.

Ela é diretora do Centro Nacional de Educação Sexual de Cuba. "Isso é um absurdo, é ridículo" completou.

fonte: Toda Forma de Amor

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...